Home
FÓSSEIS DO BAIXO MONDEGO - Braquiópodes
 
 






 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Filo Brachiopoda: Braquiópodes

Os braquiópodes são invertebrados marinhos, bênticos e com duas valvas diferentes: a valva peduncular (ou ventral) e a valva braquial (ou dorsal) - a mais pequena. Geralmente fixam-se a um substrato através de um pé carnudo - o pedúnculo - que sai pela parte dorsal da valva peduncular.

Apesar de pouco diversificados na actualidade, os braquiópodes são frequentes nos sedimentos marinhos fossilíferos, tendo sido particularmente abundantes no Paleozóico.

Nas rochas Mesocenozóicas do Baixo Mondego estes têm uma abundância significativa nas unidades do Jurássico Inferior e Médio.


Estrutura de um braquiópode:

Concha de Braquiópode

Magellania flavescens em posição braquial, lateral e em posição de vida.


Alguns fósseis de Braquiópodes do Baixo Mondego:

Tetrarhynchia

Terebratula